quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Juíza denunciou oficial


Mais uma indicação do blog para a Folha.com: A juíza Patrícia Acioli, assassinada na semana passada em Niterói, desconfiava da segurança do Tribunal de Justiça do Rio desde 2002. Ela vinculou um oficial da Coordenadoria Militar do órgão, responsável pelas escoltas, a dois réus de processos que conduzia (Fragmento textual do site indicado). Clique aqui e leia mais.

Montagem do blog, com foto e informações da Folha.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!