sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Rock in Rio


Desde o primeiro Rock in Rio, que algumas atrações do evento, não tem nada a ver com o gênero musical irreverente, que marcou várias gerações pelo mundo.

Citar os nomes nacionais que nem deveriam ser lembrados para subir ao palco, seria uma perda de tempo e causaria náuseas para quem já colecionou discos de Led Zeppelin, Deep Purple, Pink Floyd, Yes, The Who e Black Sabbath, só para mencionar algumas bandas. Meu cantor favorito é Joe Cocker e pronto. Portanto, não tive tempo disponível, para ouvir o que vou denominar de entulhos musicais.

No Brasil é difícil encontrar Roqueiros de verdade; com exceção de uns que ainda vivem por aí, o restante já morreu.

Vai começar o que chamam de festival, na Cidade Maravilhosa; o blog vai registrar para a posteridade, indicando o site ligado ao empreendimento. Clique aqui e leia no G1.

Vide postagem no dia Mundial do Rock, em 13 de julho de 2009. Clique aqui.


Edição: autor do blog, com foto e informações do G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!