sábado, 29 de outubro de 2011

O Enem de araque


O juiz federal Luiz Praxedes Vieira, determinou um prazo de 72 horas para que o Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), autarquia do Ministério da Educação responsável pela organização do Exame Nacional do Ensino Médio se manifeste a respeito da antecipação de questões do Enem por uma escola de Fortaleza Texto extraído do G1.

Essa pouca vergonha não chega ao ponto necessário, para cassar os corruptos que fraudam concursos e outras "coisitas" mais nesse país. A entrada pela porta dos fundos ou pela janela, já se tornou prática comun na furada de fila da rotina do brasileiro.

Os canalhas beneficiados, posam de bem sucedidos sem nehuma vergonha na cara; a trapaça já nasce com indivíduos pilantras que seguem com absoluta credibilidade na vida social, amparados por espécies do mesmo quilate. Clique aqui e leia a matéria do G1.

Imnformações obtidas no G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!