segunda-feira, 23 de abril de 2012

Pela queda de Mano


Para quem torce pelo bom futebol, fica difícil assistir a pose insuportável de Mano Menezes na seleção brasileira; muitos preferem o comportamento quasse "Jeca" de Luiz Felipe Scolari, um dos mais sortudos do início do século ao ganhar a Copa de 2002; pudera, não havia quase concorrentes de bom nível, naquele que foi um dos piores torneios da FIFA de todos os tempos, segundo opina o autor desta página.

Se depender de grande parte da diretoria palmeirense, não haveria obstáculo algum, para cedê-lo em substituição ao visível fiasco que representa o atual treinador, convidado pela CBF. E seria um benefício sem tamanho a saída de Mano, já; esta é outra opinião do blogueiro.
Clique aqui e leia mais no UOL.

Foto e informações: UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!