sexta-feira, 28 de julho de 2017

Comovente declaração em Paraty-RJ

O racismo continua presente no mundo inteiro deixando marcas contundentes. Em várias atividades do ser humano o preconceito ainda gera polêmicas e mal-estar na sociedade atingindo pessoas sem pudor. Com base nesse tema incômodo, o blog destaca a matéria no site a seguir oriunda do braço infanto-juvenil da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), onde o ator Lázaro Ramos e a jornalista portuguesa Joana Gorjão Henriques se reuniram, sob o tema "A pele que habito", para tratar dos reflexos da colonização no Brasil, enfatizando os privilégios dos brancos no país e a resistência dos povos escravizados. Uma professora  de Curitiba-PR, formada em Educação Física, emocionou o artista com uma declaração comovente. Leia mais.  

Foto: Monica Imbuzeiro / Agência O Globo 
Reportagem: O Globo

*Paraty-RJ   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!