quarta-feira, 26 de julho de 2017

Vida que segue

Considerado um dos melhores jogadores de futebol nos anos 2000, Adriano foi cognominado 'Imperador' quando atuou nos clubes italiano. O atacante com rara habilidade para a posição que exigia marcar gols, ganhou projeção mundial alcançando status de craque. passou pela Seleção Brasileira e conquistou respeito, mas deixou o futebol sem despedida, de forma nada compreensível para quem tinha qualidade individual em alto nível. 

Aos 35 anos, vive no ostracismo e de vez em quando aparece na internet com amigos onde foi criado, nas situações de celebração de 'baladas'. O autor do blog não faz alusão aos comentários e postagens de fofocas, apenas registra aqui, que o ex-jogador, poderia servir de exemplo para a as novas gerações. Mas, quem sabe ele tenha escolhido a vida simples, longe do cotidiano midiático. Segue matéria no site. Leia mais

Foto e reportagem: Extra on-line  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!