quinta-feira, 7 de março de 2019

O blog à deriva

 http://dembsp.blogspot.com/2019/03/o-blog-deriva.html
Desenvolvido em janeiro de 2009, este blog foi fruto de incentivo do divulgador musical baiano, Carlos Amorim. Ele foi responsável por formatar o começo desta aventura na concorrida "teia" da web; perdi seu contato no transcorrer dos últimos anos. O intuito na criação do espaço foi de fazer postagens em locais de Manaus, realçando sua história e a vocação para o turismo. As dificuldades da conexão de internet à época eram desanimadoras, além das minhas. 

O blog ficou à deriva em vários anos por falta de equipamento fotográfico. Então, o mantive replicando matérias, redirecionando-as para os devidos sites. Não sou expert em postagens, nem modelos de blogs, apenas faço conteúdos simples. 

Em 2016, iniciei um curso de jornalismo na faculdade de comunicação da UniNorte, em Manaus, contemplado com uma bolsa integral, via ProUni, graças a Deus e, ao meu modesto desempenho no Enem de 2015. Jamais tive a pretensão de ser jornalista por ter outras metas diferentes. Fui radialista de 1988 a 2009, sem formação acadêmica, trabalhando em rádio e televisão, por conta de convites, além das aprovações de profissionais, o que me deixou honrado pela confiança depositada.   

Em 21 anos de experiência vivi altos e baixos. Mas, não vou entrar em detalhes afinal, 21 anos, são 21 anos e ponto. Até penso em padronizar este blog em uma plataforma, de acordo com os resultados no final deste ano. Não sei o que vai acontecer daqui por diante e não posso decidir agora. O Blogger está enviando avisos de exclusão de várias coisinhas ligadas ao Google. Não vou estender este texto para explicar. Com as mudanças no Blogger, talvez este espaço esteja com os dias contados. Não sei exatamente, se vou mantê-lo e, até quando. 

Tenho agora um TCC (Trabalho ou Tese de Conclusão do Curso) pela frente, já que estou cursando o 7º Período de jornalismo. Não tento exaltar nada na minha caminhada, só pretendo seguí-la, lembrando de uma frase da letra do compositor baiano Ederaldo Gentil, na canção "De menor" : ..."Sou o comum do singular"... Vou deixar o tempo fluir. Por enquanto, espero que esta postagem seja um até breve, se Deus quiser. 

Foto: Aldemir Bispo de Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade a casa é sua!